08/06/2009

PINTURA EM ESTÊNCIL

Essa técnica de pintura com moldes, repetindo várias vezes um mesmo desenho, invadiu paredes, muros, janelas e portas, deixando dezenas de casas mais alegres e coloridas com o projeto da artista plástica Mônica Nador.

Pintura na margem da cidade - esse é o título da mostra que o Museu da Casa Brasileira, realiza em parceria com o Centro Cultural da Espanha, apresentando fotos e DVDs das intervenções urbanas de Mônica Nador, que levaram cores para as casas da favela São Remo, da Vila Rhodia e do Jardim Santo André, em São Paulo, e para Maclovia Rojas, no México.

Num movimento de apropriação simbólica do espaço público, a artista plástica Mônica Nador, paulista de Ribeirão Preto, descobriu novos caminhos para sua arte.


O trabalho da artista plástica é realizado, primeiramente, com a apresentação da proposta para os moradores e a inscrição dos interessados. Em seguida, são realizadas sessões de desenho e a transposição dos desenhos selecionados para confecção dos estênceis. Inicia-se então, a pintura das casas. Os desenhos e as cores são selecionados pelos próprios moradores.

A ação busca valorizar as pessoas, sua cultura e viabilizar um entorno menos hostil para as populações que habitam a periferia de grandes cidades.

A mostra fica aberta para visitação pública de 10 de junho a 12 de julho de 2009. Para maiores informações acesse o site do Museu.
Vale conferir!

2 comentários:

Claudia disse...

Adorei o colorido! Quando eu crescer quero aprender a fazer estêncil bacana! rs

Então, vc é virginiana? Será que é chata como eu? haha! Duvido!

beijos

Lucimara Scomparim disse...

Oi Claudia,
O estêncil requer paciência, capricho e cuidado para ser aplicado, do mais é só soltar a imaginação.

Eu sou canceriana, mas sou chata tbm, rsrs.

Um beijo,
Lucimara

Related Posts with Thumbnails